Próximas apresentações e oficinas

2015

Belo Horizonte de 14 a 17 de maio
ESTREIA
- ZHU - CCBB 20:00hs

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Associação Dança Minas

A CIA MÁRIO NASCIMENTO É FILIADA À ASSOCIAÇÃO CULTURAL DANÇA MINAS

Criada em 2003 com o objetivo de fortalecer a dança profissional e viabilizar mecanismos de incentivo às produções em Minas Gerais artistas e profissionais da dança se uniram para estreitar um diálogo com as Secretarias Estadual e Municipal de Cultural na construção de políticas públicas que contemplem a multiplicidade do setor em Minas. Já foi presidida por Adriana Banana, Marjorie Ann Quast, Baby Mesquita e atualmente, por Cristina Machado.

A primeira ação dos fundadores da ACDM , em 2004, foi viabilizar a apresentação seis grupos e artistas associados na 30ª Campanha de Popularização do Teatro e da Dança em parceria com a Casa do Conde em BH.

No final de 2004, realizou-se o Fórum Técnico “Cultura: Política e Financiamento” uma iniciativa da Assembléia Legislativa. Nele foram aprovadas 73 propostas e foi criada a Comissão de Representação do Fórum Técnico, onde a Associação Dança Minas se fez presente na análise das propostas, acompanhando o processo até à Conferência Estadual de Cultura, subsidiando o grupo Economia a Cultura. Ainda integrando a comissão de Representação do Fórum Técnico, a Associação Cultural Dança Minas se faz presente nas diversas audiências públicas de assuntos ligados à cultura.

Em 2007. a Associação intermediou um projeto da bailarina associada Gabriela Christóforo, junto a Funarte.

A associação participou ativamente na constituição da Câmara Setorial de Dança, através da criação de um grupo virtual de discussão, repassando documentos, organizando,participando e registrando reuniões, divulgando e indicando representantes para as conferências virtuais, subsidiando a análise de documentos e de sugestões, organizando reuniões entre os representantes da dança nas Câmaras Setoriais, os congregando a Associação Cultural Dança Minas, a Unidança, grupos, bailarinos e artistas independentes de Belo Horizonte e do interior, fortalecendo a participação do bailarino Rui Moreira e da produtora cultural Jacqueline de Castro como representantes civis de Minas Gerais.

No que tange às Conferências de Cultura, se fez presente em todas, desde as regionais, tendo sido Regina Moura, associada ao Dança Minas, delegada nas conferências municipal, estadual e nacional.
Vem trazendo a Belo Horizonte curadores do Brasil e do Exterior, entre eles: Simone Avancini (SESC SP) Guy Darmet, de Lyon, Julia Gomes, SP (Berlin Move) entre vários outros.

No decorrer de sua trajetória, torna-se presente apresentando indicações para as comissões de avaliação de projetos como no Projeto Estímulo à montagem de espetáculos de dança da Fundação Clovis Salgado, e Fundo Municipal de Cultura.

Seus associados apoiam-se mutuamente na construção de um cenário que vem se enriquecendo através do Espaço Ambiente, da Associação Cultural Mimulus, do projeto Um e Dois na dança, no projeto Verão Arte Contemporâneo e na Campanha de Popularização de Teatro e Dança.

Além disto, vem participando de mostras no interior de Minas como em Uberlândia, fóruns em Cataguases e de eventos de outros estados, entre os quais se destacam o Itaú Rumos Cultural.  
Promovendo parcerias com hotéis, restaurantes, espaços privados e fornecedores, busca constantemente viabilizar a circulação dos bens culturais.
Em 2008, a ACDM planejou e executou o projeto Encontros com recursos do Fundo Estadual de Cultura, visando socializar o conhecimento. Como resultado desse projeto, dentre outros, o quadro de associados se fortalece. A Associação Cultural Dança Minas conta atualmente com 30 associados.

Em 2010, teve projeto Mostra Klauss Vianna aprovado no Fundo Municipal de Cultura no valor de R$60.000,00 (sessenta mil reais), que será realizado em 2011.

Nenhum comentário:

Postar um comentário